terça-feira, 24 de abril de 2018

Titãs anuncia gravação de DVD no Teatro Opus em São Paulo

 

Apresentação especial, confirmada para o próximo dia 12 de maio, faz parte da programação que celebra um ano de atividades do Teatro Opus (Shopping Villa-Lobos). Ingressos já à venda.


Percorrendo por mais de três décadas as mais sinuosas estradas, os Titãs, um dos nomes mais extraordinários da história do rock nacional, acaba de anunciar mais um importante passo nesta nova fase da carreira.


Branco Mello (voz/baixo), Sergio Britto (voz/teclado/baixo), Tony Bellotto (guitarra), Mario Fabre (bateria) e Beto Lee (guitarra) confirmaram show especial para gravação do DVD da ópera-rock “Doze Flores Amarelas” em formato que valoriza o intimismo e a proximidade com o público.


A apresentação do próximo dia 12 de maio faz parte da programação comemorativa ao primeiro ano de atividades do Teatro Opus, uma das casas de espetáculos mais modernas de São Paulo, localizada no deck do Shopping Villa-Lobos.


Os fãs interessados em conferir esta histórica performance já podem garantir os ingressos na bilheteria do Teatro Opus (Shopping Villa-Lobos) ou pelo site da Uhuu (https://uhuu.com). 


Confira o serviço completo abaixo.


“Doze Flores Amarelas” narra a história de três jovens estudantes de faculdade (as Marias A, B e C) que, como todos de sua turma, usam a tecnologia frequentemente, em especial, um aplicativo chamado “Facilitador”. Numa dessas consultas, perguntam como devem fazer para curtirem ao máximo uma grande festa. Mas a festa acaba mal. Elas são violentadas pelos colegas.


O tema da narrativa foi uma unanimidade. E nasceu das inquietações atuais, contemporâneas como assédio, abuso, violência contra a mulher, aborto e tecnologia tóxica do mundo digital.
“Doze Flores Amarelas” reúne ao todo 25 composições inéditas, entre elas “A Festa”, “Me Estuprem” e, claro, a música que dá nome ao espetáculo. Branco Mello, Sergio Britto e Tony Bellotto decidiram pelo formato e convidaram Hugo Possolo, ator, dramaturgo e diretor do grupo de teatro Parlapatões, e o escritor, dramaturgo e jornalista Marcelo Rubens Paiva para reuniões criativas. Deste encontro surgiu o argumento, assinado pelos cinco.


Além de co-autor do argumento, Hugo Possolo divide a direção do espetáculo com o cineasta Otavio Juliano. Três cantoras/atrizes completam a linha de frente musical: Corina Sabbas, Cyntia Mendes e Yas Werneck.


O DVD tem lançamento previsto para dia 13 de julho via Universal Music. Antes disso, o grupo vai lançar três atos do espetáculo, em formato digital: Ato 1 (27 de abril), Ato 2 (04 de maio) e Ato 3 (11 de maio).


Vale a pena lembrar que o próprio Titãs protagonizou, em noite memorável, o show de inauguração do mesmo Teatro, que durante este período recebeu mais de 120 mil espectadores em festivais, programas ao vivo, prêmios importantes, temporadas de grandes musicais, teatro e shows inesquecíveis.


SERVIÇO SÃO PAULO
Sábado, 12 de maio, às 21h
Teatro OPUS (Av. das Nações Unidas, nº 4777 – Alto de Pinheiros/ 4o piso – Shopping Villa-Lobos)
www.teatroopus.com.br/
INGRESSOS:
Setor Inteira Meia-entrada
Balcão Nobre R$ 140 R$ 70
Plateia Alta R$ 200 R$ 100
Plateia Baixa R$ 220 R$ 110



Fonte: Universo do Rock
NEO HARDCORE ACADEMIA
 

sábado, 21 de abril de 2018

Jethro Tull: disponível agora o relançamento do album “Heavy Horses"

 

Chega a todas as plataformas digitais o relançamento de Heavy Horses, do Jethro Tull. O projeto chega repaginado para a comemoração do aniversário de 40 anos deste, que é um clássico da carreira do músico. Faixas extras acompanham as remixagens de Heavy Horses, Months e Acres Wild, feitas pelo produtor Steven Wilson.

O álbum, que figurou o TOP 20 de diversas partes do mundo em 1978, foi aclamado pela crítica, sendo um sucesso comercial e atraindo uma legião de fãs para o Jethro Tull. O lançamento inaugura uma série de homenagens pelos 50 anos do Jethro Tull, celebrados em 2018, ano que promete muitas supresas aos seguidores da icônica banda britânica de folk-rock.


Confira aqui o tracklist completo do projeto:


And The Mouse Police Never Sleeps (Steven Wilson Stereo Remix)
Acres Wild (Steven Wilson Stereo Remix)
No Lullaby (Steven Wilson Stereo Remix)
Moths (Steven Wilson Stereo Remix)
Journeyman (Steven Wilson Stereo Remix)
Rover (Steven Wilson Stereo Remix)
One Brown Mouse (Steven Wilson Stereo Remix)
Heavy Horses (Steven Wilson Stereo Remix)
Weathercock (Steven Wilson Stereo Remix)
Living In These Hard Times (Version 2) [Steven Wilson Stereo Remix]
Everything In Our Lives (Steven Wilson Stereo Remix)
Jack-A-Lynn (Steven Wilson Stereo Remix)
Quatrain (Studio Version) [Steven Wilson Stereo Remix]
Horse-Hoeing Husbandry (Steven Wilson Stereo Remix)
Beltane (Steven Wilson Stereo Remix)
Botanic Man (Steven Wilson Stereo Remix)
* Living In These Hard Times (Version 1) [Steven Wilson Stereo Remix]
* Botanic Man Theme (Steven Wilson Stereo Remix)
 .




Fonte: Warner Music

terça-feira, 17 de abril de 2018

Assista ao videoclipe de “Life on Earth”, novo single do Snow Patrol

 

A banda Snow Patrol acaba de lançar o videoclipe de “Life On Earth”. O single faz parte do próximo álbum da banda, “Wildness”, seu sétimo trabalho de estúdio, com lançamento programado para 25 de maio. “Don´t Give In” foi a primeira faixa do álbum divulgada pela banda e já conta com mais de 2 milhões de plays no Spotify.


Formado por Gary Lightbody, Paul Wilson, Nathan Connolly, Johnny McDaid e Jonny Quinn, o Snow Patrol fez uma pausa nos últimos anos. “Descobrir onde o Snow Patrol se encaixa no mundo da música após um intervalo de 7 anos será um desafio”, disse o vocalista, Gary Lightbody. Ao longo de uma carreira de duas décadas, o Snow Patrol encontrou seu espaço no mundo da música. Desde a sua estreia, em 1998, com o álbum “Songs for Polarbears”, a banda já angariou um número impressionante de elogios de público e crítica pelo mundo. Seu último disco, “Fallen Empires”, de 2011, vendeu mais de 260 mil cópias somente no Reino Unido.


Com números expressivos, incluindo 15 milhões vendas de álbuns, mais de 1 bilhão de streams globais, múltiplos certificados de platina no Reino Unido e indicações aos prêmios GRAMMY , BRIT Award e Mercury Music, “Don´t Give In” é uma bela amostra do que esperar do novo álbum. Um dos maiores sucessos da banda, a música “Chasing Cars”, tem mais de 183 milhões de views no YouTube e mais 4 milhões de streams.



Fonte: Universo do Rock

NEO HARDCORE 

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Roger Waters: anunciada data extra para o show em São Paulo



Os fãs acabam de ganhar Mais uma oportunidade para curtir a celebrada turnê mundial, Us + Them, de Roger Waters! Uma nova apresentaçãovai acontecer no dia 10 de outubro, no Allianz Parque, em São Paulo. Os ingressos do show do dia 09 de outubro, em São Paulo, já estão esgotados.

No show do dia 10 de outubro, clientes Cartão Elo contarão com pré-venda exclusiva entre os dias 16 e 18 de abril, começando às 20H do dia 16 de abril pela internet (http://www.ticketsforfun.com.br/ [9]) e às 12h do dia 17 de abril na bilheteria oficial (sem taxa de conveniência: Citibank Hall, em São Paulo) e pontos de venda espalhados pelo Brasil. A pré-venda exclusiva para clientes cartão Elo termina às 20h do dia 18 de abril.

Para o público em geral as vendas começam dia 19 de abril, a partir de 00H01 pela internet (http://www.ticketsforfun.com.br ) e às 12h na bilheteria oficial (Citibank Hall, em São Paulo) e pontos de venda espalhados pelo Brasil.


ROGER WATERS – US + THEM TOUR
PRESENTADO POR: CARTÃO ELO
REALIZAÇÃO: TIME FOR FUN
 
SÃO PAULO (SP)
CERVEJA OFICIAL: HEINEKEN
FORNECEDOR OFICIAL: HOSPITAL SANCTA MAGGIORE
DATA: Terça-feira, 09 de outubro de 2018 (ESGOTADO)
Quarta-feira, 10 de outubro de 2018.
LOCAL: ALLIANZ PARQUE - Rua Turiassú, 1840 - Perdizes - São Paulo - SP
ABERTURA DOS PORTÕES: 17h
HORÁRIO DO SHOW: 21h
CAPACIDADE: 45.500 pessoas
INGRESSOS: de R$ 165 a R$ 810 (ver tabela completa)
CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA: De 10 a 15 anos permitida a entrada acompanhado de responsável. A partir dos 16 anos é permitida a entrada desacompanhada.
 
INGRESSOS
SETORES
½ ENTRADA
 
INTEIRA
CADEIRA SUPERIOR
R$ 165,00
R$ 330,00
PISTA
R$ 190,00
R$ 380,00
 
CADEIRA INFERIOR
R$ 275,00
R$ 550,00
 
PREMIUM ELO
R$ 405,00
R$ 810,00
 
- Meia-entrada: obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição de beneficiário: no ato da compra e entrada do evento (para compras na bilheteria oficial e pontos de venda físicos) / na entrada do evento (para compras via internet).
 
- Para o show do dia 10 de outubro em São Paulo, os CLIENTES CARTÃO ELO contarão com 
PRÉ-VENDA EXCLUSIVA entre os dias 16 e 18 DE ABRIL, começando ÀS 20H do DIA 16 DE ABRIL pela INTERNET (http://www.ticketsforfun.com.br/) e ÀS 12H DO DIA 17 DE ABRIL na BILHETERIA OFICIAL (_sem taxa de conveniência: CITIBANK HALL, em SÃO PAULO)_ e pontos de venda [10] espalhados pelo Brasil. A pré-venda exclusiva para clientes cartão Elo termina ÀS 20H DO DIA 18 DE ABRIL.
 
- A venda para o show do dia 10 de outubro, em São Paulo, para o PÚBLICO EM GERAL começará DIA 19 DE ABRIL, a partir de 00H01 pela internet (http://www.ticketsforfun.com.br/) e às 12H na BILHETERIA OFICIAL (CITIBANK HALL, em SÃO PAULO) e pontos de venda [10] espalhados pelo Brasil.
 
- PARA O SHOW DO DIA 10 DE OUTUBRO, em SÃO PAULO, DURANTE O MÊS DE ABRIL, CLIENTES CARTÃO ELO podem parcelar seus ingressos em até 6 VEZES e os clientes dos DEMAIS CARTÕES em até 4X.
 
- DEPOIS DESSE PERÍODO, CLIENTES CARTÃO ELO poderão parcelar em até 3 VEZES e CLIENTES DOS DEMAIS CARTÕES em ATÉ 2X o show do DIA 10 DE OUTUBRO, EM SÃO PAULO.
- Será possível comprar até 6 ingressos por CPF
 
BILHETERIA OFICIAL – SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA
CITIBANK HALL - Av. das Nações Unidas, 17.955 - Santo Amaro - São Paulo (SP).
Segunda-feira - fechada.
De terça a sábado: das 12h às 20h.
Domingo e feriado: das 13h às 20h.
 
LOCAIS DE VENDA – COM TAXA DE CONVENIÊNCIA
Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br
Retirada na bilheteria e E-ticket - taxas de conveniência e de entrega.
Pontos de venda no link: http://premier.ticketsforfun.com.br/shows/show.aspx?sh=pdv
FORMAS DE PAGAMENTO VÁLIDAS TICKETS FOR FUN
 
INTERNET:
Cartões de crédito Elo, MasterCard, American Express, Visa, Diners Club e Hipercard.
BILHETERIA E PONTOS DE VENDA:
Dinheiro;
Cartões de Credito Elo, MasterCard, American Express, Visa, Diners Club e Hipercard;
Cartões de Débito Elo, Visa Electron, MasterCard débito e Hipercard.
Vale Cultura

Fonte: Assessoria De Imprensa – T4F

sábado, 7 de abril de 2018

Dimmu Borgir confirma show único no Brasil em novembro


A banda norueguesa Dimmu Borgir acaba de confirmar apresentação única no Brasil dia 9 de novembro, em São Paulo, no Tropical Butantã. O show no Brasil faz parte da turnê sul-americana do novo álbum “Eonian”, que já tem apresentações marcadas na Argentina, Chile, Colômbia e México City.

O Dimmu Borgir vem ao Brasil para divulgar “Eonian”, novo álbum que será lançado em maio pela Nuclear Blast Records. A formação atual conta com Shagrath (vocal), Silenoz (guitarra), Galder (guitarra), Daray (teclado) e Gerlioz (bateria).

Com dez faixas, “Eonian” tem canções como “Interdimensional Summit”, “Council Of Wolves And Snakes” e “Lightbringer”. Comemorando o 25º aniversário do Dimmu Borgir, o novo álbum lida com um conceito filosófico baseado na ilusão do tempo. “Eonian” foi produzido pela banda ao lado de Jens Bogren.

“O tempo, quando não considerado no formato que estamos acostumados, não pode ser definido e, portanto, é ilusório”, explicou Silenoz. “Há apenas um ‘eterno agora’, que o título do álbum insinua. Quando viajamos entre os mundos visíveis e invisíveis, a percepção do tempo deixa de existir, não tem função. A energia é nossa tocha e bússola quando nós fazemos riffs e atravessamos o véu – quando vamos além”, disse Silenoz.

Formado há 25 anos, o Dimmu Borgir começou a chamar a atenção na cena metal mundial com o disco “For All Tid”, de 1996. Álbuns como “Godless Savage Garden” (de 1998), “Puritanical Euphoric Misanthropia” (2001) e “In Sorte Diaboli” (2007) transformaram o Dimmu Borgir em uma lenda do Black Metal em todo o mundo. O trabalho de estúdio anterior a “Eonian” é “Abrahadabra”, que saiu em 2010.

O Dimmu Borgir acaba de divulgar dois videoclipes inéditos para promover o novo álbum “Eonian”. Confira os vídeos abaixo.


SERVIÇO SÃO PAULO

Data: 9 de novembro de 2018
Abertura dos portões: 20h30
Local: Tropical Butantã
End: Av. Valdemar Ferreira, 93 (200m do Metrô Butantã)
Ingressos: (1º lote)

– PISTA MEIA/PROMOCIONAL*: R$ 100,00
– PISTA VIP MEIA/PROMOCIONAL*: R$ 150,00
– MEZANINO PROMOCIONAL*: R$ 300,00 – Open bar
*O ingresso promocional antecipado é válido mediante a entrega de 1 kg de alimento não-perecível na entrada do evento.


Fonte: Universo do Rock

terça-feira, 3 de abril de 2018

Show do Radiohead no Rio foi transferido para a Jeunesse Arena, em 19 de abril

 

O Soundhearts Festival, com Radiohead, foi transferido para a Jeunesse Arena, no mesmo complexo do Parque Olímpico (Av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401 – Barra da Tijuca). A nova data é o dia 19 de abril.

Para os clientes que já adquiriram seus ingressos não há necessidade de troca, bastando apenas apresentar o ingresso já comprado no acesso ao evento. O setor original “lounge” será alocado nos “camarotes”, na Jeunesse Arena.

Novos ingressos podem ser adquiridos em Livepass.com.br
Um novo setor será colocado à venda, as ‘’Cadeiras Nível 3’’, ao valor de R$ 170,00 (meia-entrada) e R$340,00 (inteira).

SERVIÇOS:

RIO DE JANEIRO
DATA: 19 de abril
LOCAL: Jeunesse Arena (Av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ)
HORÁRIO: A partir de 18h30
VALORES:
Pista (inteira): R$ 380,00 – ESGOTADO
Pista (meia): R$ 190,00 – ESGOTADO
Lounge (preço único): R$ 800,00 – ESGOTADO
Cadeira nível 3 (inteira): R$ 340,00
Cadeira nível 3 (meia): R$ 170,00
Ingressos: Livepass

SÃO PAULO
DATA: 22 de abril
LOCAL: Allianz Parque (Av. Francisco Matarazzo, 1705 – Água Branca, São Paulo – SP)
HORÁRIO: A partir de 16h30
VALORES:
Pista 1 (inteira): R$ 700,00
Pista 1 (meia): R$ 350,00
Pista 2 (inteira): R$ 360,00
Pista 2 (meia): R$ 180,00
Cadeiras Oeste/Leste (inteira): R$ 470,00
Cadeira Oeste/Leste (meia): R$ 235,00
Cadeira Sul (inteira): R$ 420,00
Cadeira Sul (meia): R$ 210,00
Cadeira Superior (inteira): R$ 260,00
Cadeira Superior (meia): R$ 130,00
Ingressos: Livepass
 
Foto: Reprodução/Youtube
Fonte: Universo do Rock 

LEIA TAMBÉM:

PASSOU DOS LIMITES NA SEMANA SANTA? AQUI TEM EXEMPLO DE SUPERAÇÃO...

segunda-feira, 26 de março de 2018

Os altos e baixos do Lollapalooza 2018

Em sua maior edição, evento conseguiu bater a meta de 300.000 em público

 

Público posa em frente ao letreiro do Lollapalooza

Público posa em frente ao letreiro do Lollapalooza (Natália Luz/VEJA)

 

O Lollapalooza 2018 já pode comemorar. Com três dias de duração, um a mais que o habitual de anos anteriores, o festival de música alcançou a meta almejada, levando mais de 300.000 pessoas ao Autódromo de Interlagos, em São Paulo, entre sexta-feira e domingo. O número faz desta a maior edição do evento até então, e coloca o Lolla Brasil entre os mais relevantes de sua casa — o Lollapalooza Chicago dura quatro dias e soma 400.000 em público.

Outra boa notícia é que o festival aprendeu com erros do passado. Dramas de mobilidade dentro do Autódromo, com palcos muito distantes, foram resolvidos este ano. Assim como a diminuição de filas para compra de alimentos e bebidas. Entram na categoria problemas os absurdos preços dos ingressos e problemas técnicos e de estrutura dos palcos. Confira a seguir os altos e baixos do Lollapalooza 2018:

Altos

Lollapalooza - Volbeat

Lolla Cashless – A pulseira que serve para fazer compras funcionou bem, com vários postos de recarga. Consumir comida e bebida foi uma tarefa fácil, pela quantidade de ambulantes e tendas espalhadas. O preço, contudo, se manteve salgado como sempre, com um copo de cerveja custando 13 reais.

Poucas filas – Se organizar direitinho, todo mundo se diverte e pega pouca fila. Depois de muitas edições com filas gigantescas, o Lolla aprendeu a espalhar bem suas tendas e banheiros, e se beneficiou da facilidade da pulseira como forma de pagamento.

  
Alok se apresenta durante o primeiro dia do festival Lollapalooza 2018, realizado no Autódromo de Interlagos – 23/03/2018


Alok se apresenta durante o primeiro dia do festival Lollapalooza 2018, realizado no Autódromo de Interlagos - 23/03/2018 (Natália Luz/VEJA.com)

Posicionamento dos palcos – A distância entre os palcos — e as voltas para chegar de um ao outro — era um antigo problema do Lolla. Este ano, ele foi resolvido com palcos mais próximos um dos outros e shows intercalados. Assim, resolveu-se o problema de vazamento do som e congestionamento de pessoas em trânsito entre uma apresentação e outra.

Line-up – Não foi a melhor seleção de bandas e músicos de um Lollapalooza, mas também está longe de ser a pior. Jovens nomes do cenário nacional, como Liniker e Mahmundi, tiveram sua chance, enquanto os figurões foram representados por bandas relativamente atuais, como Imagine Dragons, The Killers e Lana Del Rey, deixando a categoria veteranos sob a responsabilidade de David Byrne, Red Hot Chilli Peppers e Pearl Jam.


Baixos

Acesso – Encarar o trânsito de São Paulo para chegar ao festival é, ainda, a tarefa mais estressante de todo o processo. Na sexta-feira, somado ao movimento natural da cidade, foi ainda pior. Na saída, o festival se aliou ao Uber para marcar pontos de encontro que facilitariam o escopo. Mesmo assim, uma ida do Autódromo à Avenida Paulista, por exemplo, podia demorar entre 1h30 e 2 horas de um trajeto que leva em torno de 45 minutos de carro. Enquanto não se resolve o problema de trânsito ao redor, a melhor opção para chegar ao Lolla é a estação de trem que fica a 15 minutos de caminhada do Autódromo.
Palco Ônix – Segundo espaço mais importante do evento, atrás do palco Budweiser, o Ônix foi um dos mais problemáticos do festival. Foi lá que o show de Liniker e os Caramelows acabou na metade por problemas técnicos. Ali também foi difícil ouvir o que cantava a banda Imagine Dragons, um dos momentos mais frustrantes do Lolla 2018.

A banda Imagine Dragons se apresenta durante o segundo dia do festival Lollapalooza, no Autódromo de Interlagos - 24/03/2018  
A banda Imagine Dragons se apresenta durante o segundo dia do festival Lollapalooza, no Autódromo de Interlagos


Confusão de palcos – Colocar Imagine Dragons e Lana Del Rey no palco Ônix foi uma decisão contestável. Ambos os espaços ficaram extremamente lotados do público que se aglomerou para ver os populares artistas. No domingo, por exemplo, Liam Gallagher se apresentava no palco principal com vários espaços vazios na plateia, que preferiu guardar lugar no palco vizinho, esperando por Lana.

Preço dos ingressos – apenas uma line-up com Paul McCartney, Rolling Stones, Beyoncé e Adele valeria 800 reais por dia.

Sorte

Público chega ao Autódromo de Interlagos, zona sul da capital paulista, para participar do festival Lollapalooza - 23/03/2018  
Público chega ao Autódromo de Interlagos, zona sul da capital paulista, para participar do primeiro dia de shows do festival Lollapalooza – 23/03/2018



Público chega ao Autódromo de Interlagos, zona sul da capital paulista, para participar do primeiro dia de shows do festival Lollapalooza - 23/03/2018 (Felipe Cotrim/VEJA.com)

Entre os altos e baixos, o Lollapalooza 2018 contou com uma ajudinha dos céus. Os três dias forma embalados por muito sol. Se chovesse, a plateia teria dificuldades em ver alguns palcos, como Ônix e Axe, onde era necessário se equilibrar em um terreno íngreme e revestido por pedregulhos.


Fonte: Revista Veja